“Amo Moda Amo Brasil: Artesanato” e reflexão

“Iniciativa do São Paulo Fashion Week, Amo Moda Amo Brasil é uma campanha de valorização da cadeia produtiva e criativa da moda brasileira com a qual todos os profissionais participantes do setor, bem como todos os brasileiros poderão se engajar. O projeto, que tem ações previstas até 2016, objetiva destacar a importância dessa extensa cadeia que vai do fio ao varejo e reforçar a identidade da moda brasileira a partir de atributos reconhecidos de qualidade associados ao lifestyle do país: o algodão, o denim, a moda praia e o artesanal.”

Acabei de assistir ao segundo episódio da campanha, sobre artesanato. A minha identificação é tão grande que antes de refletir sobre o assunto quero apenas ressaltar uma frase de Marcelo Rosenbaum no vídeo: “A Prada é cara porque além de ser uma marca, ela é feita à mão. E no Brasil, feito à mão tem que ser barato.

Assistam ao vídeo:

Por esses dias tenho pensado: por que eu faço moda? Por que tenho um blog voltado para artesanatos (aqui conhecido como D.I.Y. ou Faça Você Mesmo)? É difícil ter seu trabalho levado à sério em um mundo onde qualquer pessoa de qualquer profissão tem um blog de moda e beleza.

Primeiro para que todos possam entender, se vestir sempre fez parte da humanidade, em todos os países, épocas e culturas, e isso chama-se indumentária. E se vestir não significa colocar uma blusa e uma calça. Os homens da pré-história se cobriam de peles para se proteger do frio, os nossos aborígenes se vestiam de pinturas e adornos para se diferenciar de outras tribos e os europeus descobriram nas roupas uma forma de distinguir classes e cargos.

Moda não precisa ser fútil, não precisa ser consumista, não precisa poluir, não precisa ser jogado fora à cada 3 meses e não precisa ser importada. Nós valorizamos muito mais o que vem de fora do que as peças do nosso país! Aposto que a maioria das pessoas conhece uma renda francesa mas nunca ouviu falar de uma nordestina. E que compra roupa importada mas mal sabe que o algodão que está nela veio da Bahia.

Moda está na moda. Do mesmo jeito que a indústria cresce, tudo vira cansativo, rotineiro e louco. A velocidade com que as informações rodam o mundo deixou tudo sem graça, e o exagero em todas as coisas e a falta de relevância para as realmente importantes fizeram com que não só a moda, mas muitas coisas perdessem sua essência.

A campanha do SPFW é maravilhosa e espero que valorize mais a moda brasileira e incentive pessoas que realmente se interessam por este assunto a buscar e conhecer mais sobre moda e o Brasil.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s